Querem saber porque está mais calor na Torre-Serra da Estrela do que nas Cidades?

Pois é, as temperaturas têm estado mais elevadas nos locais com maior altitude do que nos vales e terras baixas.  Ou seja se formos para a Torre vamos sentir menos frio do que na Covilhã por exemplo.

Em períodos Anti-ciclónicos como o que atravessamos atualmente e que vai durar ainda uns bons dias , durante a noite, o ar mais frio que é um ar mais denso tende a acumular-se nos vales mais profundos, deixando o ar mais quente e mais leve em zonas mais altas. Dai resultam temperaturas mais baixas em zonas de menor altitude do que em zonas com maior altitude.

Uma consequência da inversão térmica é que a camada de ar frio fica retida nas regiões próximas à superfície terrestre com uma grande concentração de poluentes. Sendo assim, a dispersão desses poluentes fica extremamente prejudicada, formando uma camada de cor cinza, oriunda dos gases emitidos pelas indústrias, automóveis, etc.

Este fenómeno intensifica-se durante o inverno, pois nessa época do ano, em virtude da perda de calor, o ar próximo à superfície fica mais frio que o da camada superior, influenciando directamente na sua movimentação.

Por isso é que por exemplo na noite passada tivemos uma temperatura mínima de 6ºc na Torre a 1906m de altitude, 4.2ºc nas Penhas da Sáude a 1500m e na zonas mais baixas da Cidade da Covilhã e na região da Cova da Beira tivemos temperaturas próximos dos 0ºc , no caso da Covilhã a 400m a temperatura foi de 1.3ºC

Torre 1906m com 6ºc de temperatura mínima.

Penhas da Sáude a 1500m com 4.2ºc de temperatura mínima.

Covilhã (Aeródromo) 1.3ºc de temperatura mínima.

 

Deixo um vídeo onde podem ver bem explicado o fenómeno.

 

Apoio simbólico para a continuação do projecto basta clicar na imagem abaixo. Grato.

Deixar uma resposta

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar